segunda-feira, setembro 10, 2007

Dasse! Que orgulho!



Os maiores!

PS - Obrigado a quem enviou o link.

55 Comments:

At 7:35 da tarde, Blogger Ana said...

Que orgulho! Acho que pela forma como cantaram o hino nacional estes rapazes já "ganharam" o campeonato do mundo deles! É de quem não "takes things for granted"!

 
At 8:14 da tarde, Blogger Frederico said...

Se no futebol cantasemos assim o hino ninguém nos ganhava :P
no mínimo arrepiante mas lindo!!

 
At 9:00 da tarde, Blogger Cassiano said...

Não é para agradecer Pedro! Eu fiquei esmagado quando vi o hino cantado por esta equipa antes do jogo. Arrepiei-me e quase chorei. Este mundial representa muito para todos eles, é um sonho destes amadores portugueses, nos quais o país e o mundo deveria pôr os olhos.

Abraço

 
At 9:02 da tarde, Blogger Fernanda said...

Já não chorava a ouvir o hino desde o Nelson Évora! Mas desta vez toda a gente chorava, os jogador foi do mais bonito de se ver. Força Lobos!

 
At 9:33 da tarde, Blogger cj said...

Enormes Lobos.


Merecem uma recepção calorosa -no mínimo- quando pisarem novamente o solo português.


Lanço o repto. Apareçam no aeroporto da Portela aquando o fim da participação no mundial.

 
At 9:38 da tarde, Blogger Mãos de Veludo said...

lindo! arrepiante! vibrante! Poderoso!

 
At 9:47 da tarde, Blogger Alexandre said...

No mínimo arrepiante! É impossível ficar indiferente a isto, estes Homens merecem o nosso respeito e estima. Quando vejo uma manifestação destas, sinto-me orgulhoso de pertencer a esta "ditosa pátria que tais filhos tem"! A citação não estará exacta mas o que conta é a intenção.
Pormenor não menos importante: alguém que não saiba quem eles são, consegue distinguir os naturalizados? Eu olhando para eles a cantar o hino, não dei por isso...

 
At 9:51 da tarde, Blogger vitoscano said...

Pena dar na Sportv2 e não num qualquer canal generalista.Bem pelo menos temos o Basket na RTP2.Foi emocionante ver isto foi sim senhor.

 
At 10:17 da tarde, Blogger Pedro Neto said...

Um dos melhores momentos de sempre do Desporto em Portugal!

 
At 10:23 da tarde, Blogger Bicho Power said...

qual shaka qual que!!!
no futebol alguns nem o hino sabem!!!
isto sim é ser portugues!!!
pena a RTP não passar uns jogos do mundial de rugby onde por acaso ta la uma selecção amadora que por acaso é a portuguesa!!!
enfim...
muito bom ver isto em blogs!!!
toda a gente devia ter um post assim! como eu tb tenho!

 
At 10:32 da tarde, Blogger Canochinha said...

Só digo isto: se a nossa selecção de futebol jogasse com metade do amor à camisola que os Lobos têm, seríamos campeões do mundo.
É realmente arrepiante ver estes grandes senhores cantar o nosso hino. Faz-nos perceber o que ainda significa. Só por isso, já lhes agradeço... Muita força para os restantes jogos!

 
At 11:17 da tarde, Blogger Joaquim Varela said...

Palavra de honra que quase me deu para chorar quando estava a ver isto ao vivo, aqui na minha sala, no passado Domingo. E atenção que eu não me recordo da última vez que chorei, fosse com o que fosse.

Quanto ao jogo, perdemos (e bem), mas só por 46 pontos e fizemos uma exibição notável, frente a uma das potências mundiais, mesmo que numa fase de menor fulgor.

Agora no próximo sábado há mais, contra os "galácticos" dos "All-blacks" e aí é que vamos levar uma varridela absoluta - sim, que no Râguebi só se respeita verdadeiramente o adversário dando o máximo de princípio a fim e é isso que os Neo-Zelandeses irão fazer, sem contemplações.

Na 1ª jornada, os Italianos, que ficaram em 4º lugar no Torneio das 6 Nações este ano, foram trucidados por 76-14.

Portanto, se perdermos por menos de 100, é um resultado e pêras.

 
At 11:27 da tarde, Blogger Meow said...

Pessoal, vocês sabem que não são os jogadores a cantar o hino, não sabem? Agora, a emoção da situação, essa sim, foi muito fantástica para quem viu!

 
At 11:29 da tarde, Blogger Meow said...

Correcção: retirar o "muito" memso antes do "fantástica".

 
At 11:29 da tarde, Blogger Meow said...

Caramba! Desisto! Não páro de dar erros :(

 
At 11:36 da tarde, Blogger Cartoon's & Illustration's / P.Leitão said...

Eh Portugal!!!!!

 
At 12:08 da manhã, Blogger Just a blog said...

Verdade e como já disseram aqui não só a cantar o hino como a jogar com garra e sabendo do profissionalismo, mais valia dos adeversários não se intimidarem e jogaram com alma e com garra, pena é que o jogo tenha sido depois do da luz para esse srs olharem bem para estes exemplos e talvez se tivessem esforçado mais em vez da ..... de jogo e de certeza que o resultado tinha sido diferente

 
At 1:02 da manhã, Blogger bU said...

Foda-se!!!!!!!

 
At 7:17 da manhã, Blogger Cruxe said...

O que faz isto é eles não ganharem os balúrdios que os jogadores de futebol ganham e por isso jogam com amor à camisola e, no caso da selecção, com amor à pátria.

PARABÉNS a todos por terem chegado onde chegaram.

 
At 8:29 da manhã, Blogger emvooplanado said...

E o que me apraz dizer é que todos eles sabiam o Hino.....E estes Homens não merecem a bandeira á janela? E não merecem uma recepção á sua chegada?.

 
At 9:44 da manhã, Blogger Patrice said...

Força Portugal!
Força Vasco!

Somos os maiores!

 
At 9:45 da manhã, Blogger Zana said...

Ja vi e revi o video não sei quantas vezes e a reacção é sempre a mesma, pelinhos em pé, lágrimas nos olhos e um orgulho imenso nesta equipa (e nem gosto de rugby).
Muita gente devia aprender a cantar o Hino e o que é ter amor à camisola com estes amadores, que cantam e jogam com todo o orgulho que têm em vestir as nossas cores.
FORÇA LOBOS!!!!!!

 
At 10:10 da manhã, Blogger Maria Papoila said...

Não tenho palavras para o que senti ao ver os nossos Lobos comerem a relva e dar um trabalho dos diabos aos escoceses. Não percebo muito do jogo (não percebi porque é que, de vez em quando, a bola estava ali tão à mão de semear e eles não a iam buscar) mas tenho a certeza de que com a continuação vou perceber tudo direitinho.
Fiquei comovida e espero que eles consigam ganhar um jogo, o grande objectivo da equipa como disseram ao Pedro na Comercial.
Quero ver se sou uma das que estará no aeroporto quando eles chegarem porque eles merecem.
Muito e muito obrigada por me fazere senti tão orgulhosa de ser portuguesa. Bem hajam!

 
At 10:48 da manhã, Blogger Lídia Amorim said...

podes crer, kd vi essa imagem fikei mesmo impressionada... eles tavam mesmo orgulhosos e o capitao? eheheheh afinal n é todos os dias k uma ekipa amadora e principalmente portuguesa vai um campeonato mundial de raguebi. bom.

 
At 11:18 da manhã, Blogger JoKoFar said...

(para a maria papoila)
Essa regras de "ter a bola à mão de semear e não a ir buscar" chama-se fora-de-jogo. Os jogadores só podem pegar na bola pelo lado do seu meio-campo (ou do lado q defendem). caso peguem na bola pelo lado do adversário é fora-de-jogo (falta). Por esse motivo vemos que sempre que o jogador é placado e tem de largar a bola tem a preocupação de a proteger com o corpo virando-se de frente para os colegas, normalmente aparece logo outro a atirar-se para cima fazendo uma "barreira" maior.
Outra regra basica é que não se podem fazer "passes para diante" com as mãos, ou seja, qd se passa a bola com as mãos esta tem de ser passada para trás (ou lados mas com ligeiro atraso) seja a bola dirigida a companheiro de equipa ou ao proprio (atirar para a frente e ir buscar aindiante). Esta regra não se aplica se o passe ou adiantamento da bola for feito com o pé (penso que teremos a oportunidade de ver isso contra a NZ, com o pode fisico q têm tentarão uma vez ou outra fazer um pontapé tipo guarda-redes de futebol para ir buscar a bola mais à frente).
O "melhor" rugby é jogado à mão com passes para tentar rasgar as defesas adversárias e chegar ao ensaio.

Perder pro menos de 100 com a NZ é vencer o jogo, se conseguirem 1 ensaio como aconteceu com a Escócia é um marco histórico do rugby nacional.
Tenho a secreta esperança que o vão conseguir.

Já agora as pontuações são as seguintes:
No jogo:
Ensaio - 5 pontos
Pontapé transformação (pontapé a seguir ao ensaio) - 2 pontos
Pontapé de penalidade (após falta do adversário) - 3 pontos
Pontapé de ressalto (pontapé de golo em jogo corrido - tipo GR de futebol) - 3 pontos

No campeonato:
Vitória - 4 pontos
Empate - 2 pontos
Mais de 4 ensaios - 1 ponto
Derrota por menos de 7 pontos - 1 ponto


Não percebendo mto, espero pelo menos ter ajudado a que se perceba o basico em frente ao televisor.
Colocar Portugal contra a NZ em rugby é como colocar uma equipa dos distritais de futebol na liga dos campeões. Apenas se espera que lutem até à ultima gota de suor e orgulhem a camisola, o resultado é o menos importante.

 
At 11:32 da manhã, Blogger Mãe Gabi said...

Foi emocionanet mesmo!

 
At 11:54 da manhã, Blogger anamoris said...

Grandiosos os nossos LOBOS.
Um momemto histórico.
Sim, Senhor

 
At 11:54 da manhã, Blogger sara said...

Amor à camisola, no campo ou ao microfone, porque cada um tem o seu proprio campo de jogo. Mas este é um comentário atrasado ao post "Da memória" (estive de férias :P). A professora tinha razão. Aqui e na rádio mostrarás só uma parte do que és, mas como "não se consegue enganar toda a gente durante muito tempo" acredito que és mesmo assim. E (a cereja no topo do bolo) esforçaste por ir mais além. Um abraço à tua professora e à minha que ainda hoje me reconhece quando me vê.

 
At 12:00 da tarde, Blogger Andreia said...

Somos uma nação de grandes pessoas e de grandes feitos... Não percebo porque havemos de andar com a tão falada auto-estima em baixo...

 
At 12:31 da tarde, Blogger nat said...

arrepiante.

 
At 12:37 da tarde, Blogger Alcabrozes said...

Desperte o nacionalista bacoco que há em si...
Emocione-se com a selecção dos tios a cantar o hino...
Se calhar até podáimos ser melhores se eles não rejeitassem nos clubes os putos quer por lá aparecem para jogar mas que não têm, sei lá, pedigree...

 
At 12:41 da tarde, Blogger Alcabrozes said...

Quem está a fazer um grande feito é a selecção de basquetbol, que com uma equipa de anões (como lhe chamam os espanhóis) só depende de si para chegar aos quartos de final...
Mas se calhar como não choram baba e ranho durante o hino...

 
At 12:52 da tarde, Blogger eu said...

Arrepiante!!!
Tenho os pelitos dos braços a bater palminhas!

 
At 1:57 da tarde, Blogger D. said...

...arrepiante...impressionante mesmo...é uma pena que nem todos os portugueses tenham o mesmo orgulho de serem quem são...e que aqueles que o têm nem sempre sejam reconhecidos...é uma pena que o futebol concentre em si todas as atenções...todo o empenho dos adeptos...quando noutras modalidades ditas "amadoras" temos grandes valores...força Lobos...por tudo o que tem conquistado já são para mim Campeoes do Mundo...

 
At 4:06 da tarde, Blogger Francisco Maria said...

k sentimento, brutal

 
At 4:10 da tarde, Blogger OD said...

Eu ao ver essas imagens chorei!!! Grandes homens pá!

 
At 4:53 da tarde, Blogger Cristiano Moreira said...

Emocionante!
A estes ainda não os ouvi falar de prémios de jogo, mas sentem o hino, sentem o país, sentem um povo...sentem por todos nós!!
São os Campeões!!!


PS-Quem gostar de poesia (amadora como a nossa selecção) que visite o meu cantinho virtual!Obrigado e desculpa o abuso publicitário Pedro!

 
At 4:54 da tarde, Blogger Cristiano Moreira said...

:)

 
At 5:14 da tarde, Blogger Maria Papoila said...

Agradeço ao Jokofar a bela explicação que me deu. Tenho a certeza de que com a continuação dos jogos vou percebendo mais e mais. Aconteceu com o ténis. Aprendi as regras a ver os jogos do grand slam (e não só) na televisão. Portanto os Lobos vão ensinar-me as regras de um jogo do qual gosto muito. Mais uma vez obrigada.
Mudando de assunto. Pedro, será que não podes meter uma cunha na Sport TV para transmitirem os jogos de baseball americano? Esse é outro jogo que eu adoro ver sem perceber quase nada. Ficou-me o gosto dos livros dos Peanuts. Adorava poder seguir o campeonato, se é que se chama assim.
Beijinhos e obrigada pela vossa atenção.
maria

 
At 5:52 da tarde, Blogger Joaquim Varela said...

Bom, o Jokofar não foi 100 % preciso.

Entendo perfeitamente a simplicidade da descrição, mas permito-me completar as pontuações, com uma que falta que é o Ensaio de Penalidade. Vale 5 pontos e é concedido a uma equipa, quando o árbitro entender que um Ensaio normal teria sido obtido, se não houvesse jogo ilegal do adversário.

Eu que vejo Râguebi há muitos anos (na TV) e prefiro que se entenda o jogo da seguinte forma:

-É um jogo de conquista de terreno (muitas vezes centímetro a centímetro) e de posse de bola. A equipa que o conseguir melhor (conquistar terreno), ganha quase sempre o jogo. Assim como se deve ter em atenção, que pequenas diferenças neste jogo, originam quase sempre resultados bastante desnivelados. Um exemplo: nas introduções laterais, contra a Escócia, devido a termos jogadores um pouco mais baixos (e alguma falta de treino dado que se tratam de amadores) que os escoceses, raramente conseguimos ganhar uma introdução nossa (quanto mais uma escocesa), o que originava imediatamente a perca da bola, do terreno que tinhamos conquistado e posteriormente de terreno concedido ao adversário. Nas formações ordenadas, devido a termos menos 45 Kgs (890 Kgs contra 845 Kgs) no nosso pack, tinhamos sempre muita dificuldade em manter a bola em nosso poder, quando a introdução nos era favorável (se bem que neste aspecto não houve uma única falha durante o jogo). E estas pequenas diferenças, devido ao facto de ser um jogo muito físico, vão-se tornando cada vez mais evidentes, à medida que o jogo avança para o seu fim - explica em parte o facto de termos chegado ao intervalo com 28-10 e termos perdido por 56-10.

E para quem não está habituado a ver estes jogos, acham que seria muito difícil implementar um sistema de video-árbitro semelhante a este, no futebol de alta competição (primeiras divisões dos países que quisessem aderir, provas internacionais de clubes e selecções) , com paragem do cronómetro à ordem do árbitro principal e tempo limite para tomar uma decisão?

Eu penso que não e defendia o interesse geral, mas a malta o International Board são uma cambada de tóinos (normalmente designados por "velhos do Restelo") que não conseguem de todo acompanhar os tempos que correm.

PS:Maria Papoila, moça. Não te metas nisso. O Basebol é um jogo muuuuiiiito chato, em que irias ter horas e horas (um jogo dura em média cerca de 4 horas) de imagens de malta a mascar e a cuspir tabaco, a atirar uma bola para um rectângulo imaginário (não estou a brincar) sendo que em geral tens 10 minutos de verdadeira acção. Ah e claro, que na MBL (liga profissional norte-americana) cada equipa - e são, salvo erro 30 - tem cerca de 200 jogos por temporada. Lê lá a bonecada, que é bem engraçada, mas não leves a coisa demasiado a peito ;)

 
At 5:58 da tarde, Blogger Maria Papoila said...

Está bem, então só um joguinho de vez em quando?

 
At 6:52 da tarde, Blogger Ana said...

Fiquei toda arrepiada. Lindo!! Meninos do futebol, abram os olhos.

 
At 11:46 da tarde, Blogger BlueAngel said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 11:48 da tarde, Blogger BlueAngel said...

Lindissímo!!

 
At 2:26 da tarde, Blogger Mimi said...

Grandes senhores!!! Em todos os aspectos!

Força Portugal, os All Blacks não nos assustarão com o Haka, bom, talvez assustem... um bocadinho só :)

 
At 4:21 da tarde, Blogger gdevesas said...

Emocionante e com verdadeiro sentido patriótico!
Bom blog com conteudos interessantes,
Visitem:
www.jogodearea.com
Hoje - Memória - Isaias o Profeta Selvagem

 
At 5:47 da tarde, Blogger O Raio said...

Fiquei arrepiado!

Está a ser um erro a RTP não transmitir estes jogos! São uma lição para os pupilos do Scolari.

Já coloquei este filme no meu blog. Todos os blogistas o deviam fazer.

 
At 11:29 da tarde, Blogger PM said...

Reconheço que a história da selecção de Rugby é mais sexy e apelativa mas... a selecção de basquetebol esteve tão bem ou melhor e ninguém lhe te dado valor...

É pena porque é resultado de um trabalho e esforço de vários anos com recursos limitadíssimos e sem cobertura nenhuma.

Tanto que o futebol tem a aprender com estas duas equipas!

P

 
At 11:21 da manhã, Blogger SP said...

Amor à Pátria, Amor à Camisola, OS AMADORES...de facto e de Direito, em toda a plenitude da palavra. Estou emocionada e Orgulhosa desta Nossa Selecção! Um Exemplo!

Obrigada pela partilha :)

 
At 11:58 da manhã, Blogger SoNosCredita said...

que contraste! (com o futebol)

 
At 12:31 da tarde, Blogger barbiedoll said...

Bolas! Até fiquei arrepiada...

 
At 7:25 da tarde, Blogger João said...

Arrepiei-me todo, só de ver, como nunca...

 
At 10:20 da tarde, Blogger Kobra said...

http://www.youtube.com/watch?v=B1exk6jpal0

o novo video do hino no jogo com a nova zelandia

 
At 9:34 da manhã, Blogger N.M said...

Arrepia ver estas imagens...De facto é paras ter muito orgulho nestes jogadores!!!

 
At 2:04 da tarde, Blogger Tiago Pinto said...

Pessoal, desculpem lá vir destoar mas eu não vejo nestas imagens um sinal de orgulho em ser Português. Ou eu sou pouco nacionalista ou os portugueses andam sedentos de imagens que enalteçam o amor à pátria. Honestamente até já estou farto de ouvir o Hino, é o rugby, o basquetebol, o futebol, o atletismo, a presidência europeia...bolas, até já deu para o Deco o aprender (agora só falta o Obikwelo).
Muito sinceramente estas imagens assustam-me, mostram-me pessoas que eram capazes de fazer tudo pela "pátria". Na minha humilde perspectiva é de pessoas destas que os governantes precisam...Os adeptos do EStrela Vermelha (no tempo do slovodan milosevic) também entoavam desta forma o hino...

Por fim, compara-se sempre estas mostras de patriotismo com a suposta ausência dele nos jogadores de futebol. Não se esqueçam que mesmo as atitudes mais emocionais (lembrem-se do primeiro beijo à namorada) vão perdendo significado - pelo menos no que diz respeito à adrenalina e à expressão - com a habituação. Logo, os lobos só agora estão a ter a oportunidade de cantar o hino regularmente, frente às camaras e a milhares de pessoas, os jogadores de futebol fazem-no 50, 60 vezes na vida e alguns (por exemplo o Simão) já o fez mais de 100 vezes e ainda tem 28 anos...

Um blog excelente!

www.footballdependent.blogspot.com

 

Enviar um comentário

<< Home