domingo, abril 15, 2007

Ler.

A crónica do Lobo Antunes, na Visão desta semana.

13 Comments:

At 11:02 da manhã, Blogger wednesday said...

Já li e também me marcou!;)

Já agora, a reportagem sobre o novo cargo do Sampaio também está muito boa.

 
At 7:04 da tarde, Blogger Domingos Patena said...

Já li e é emocionante. fiquei a saber pela revista. O senhor vai melhorar

 
At 11:58 da tarde, Blogger BlueAngel said...

Já sabia (por fontes colaterais) que o senhor estava internado e mal. Achei interessante e corajosa a forma como se expôs. As melhoras para ele.

 
At 1:02 da manhã, Blogger Carriço said...

Toca. Como só as coisas nuas e cruas o conseguem.

Saudações

 
At 1:33 da manhã, Blogger MRG & EUA said...

Olá Pedro. Resido nos EUA e não tenho acesso à Visão...será que pode colocar on-line a referida crónica? Obrigada.
MRG

 
At 1:16 da tarde, Blogger Ana Clara said...

Suceda o que suceder, como o próprio diz na crónica, António Lobo Antunes é um dos melhores escritores portugueses de sempre e que me marcou desde cedo. Por isso, suceda o que suceder, António Lobo Antunes já trocou as voltas à morte...

 
At 2:51 da tarde, Blogger scbmf said...

Mesmo! Daquelas coisas que mexem connosco! E a do RAP também....é outro género :)

 
At 2:53 da tarde, Blogger Tigui said...

Muito corajosa!

 
At 2:53 da tarde, Blogger Tigui said...

mrg & eua: A crónica não está online.

 
At 6:16 da tarde, Blogger samaritano sam said...

_ mrg & eua : Sobre a dita crónica na revista Visão > http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1290998

 
At 6:34 da tarde, Blogger SoNosCredita said...

já comprei mas ainda ñ li...

sendo assim, ñ passa de hoje!

 
At 6:52 da tarde, Blogger Maria said...

Fiquei estupefacta. Não fazia ideia. Quem se habituou a conviver com o Antonio Lobo Antunes através dos livros e das crónicas acha impossível ele desaparecer. Até dava para pensar que era como o Fernando Pessoa dizia «O poeta é um fingidor
Mente tão completamente
Que chega a fingir que é dor
a dor que deveras sente»
Desejo de todo o coração que ele possa voltar.

 
At 8:52 da tarde, Blogger Leonor Martins said...

Li na 6ª feira, já ia noite alta...e...emocionei-me, não só pelas palavras bebidas...mas por outras histórias de vida...histórias que todos nós conhecemos, dos corajosos que com serenidade todos os dias enfrentam o destino!

 

Enviar um comentário

<< Home