quinta-feira, agosto 03, 2006

A Paz.

É quando, antes de me deitar, eu vou ao quarto deles e fico ali a vê-los dormir. Não há mais nada. Ver os meus filhos dormir.
Amar sem amarras. Sem limites, nem condicionantes. Todos os dias acabam assim: vou ao quarto deles e fico ali uns instantes a vê-los dormir.
É o melhor da vida.

26 Comments:

At 5:00 da tarde, Blogger Minerva McGonagall said...

Sei que deve ser maravilhoso ter um filho, mas a responsabilidade a que obrigam assusta-me um pouco, é uma preocupação para o resto da vida. Para já não me atrevo a ser mãe, e não sei se algum dia o farei, porque como diz o povo, os filhos só fazem falta quando cá estão!

 
At 5:35 da tarde, Anonymous manuela said...

Deve ser uma plena sensaçao de conforto e satisfaçao!
Aproveita-a :)

 
At 5:44 da tarde, Anonymous cat woman said...

É a melhor coisa da vida... ver os nossos filhos com paz e alegria.
Nada me faz mais feliz que o sorriso sincero das minhas filhas!!! Obrigada por nos lembrares que as coisas boas da vida são simples.

 
At 5:58 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Pedro,
Tens toda a razão, ir vê-los dormir com aquelas carinhas de anjos que todas as crianças têm é o melhor que pode acontecer no fim do dia.
Mas exprimenta no fim dar um beijinho.
Ai estamos no céu.

Artur Braz

 
At 5:58 da tarde, Anonymous Quero ler-te said...

Mas não há quem faça deste blogue um livro?!

 
At 6:02 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Subscrevo inteiramente! Para quando o livro?

 
At 6:09 da tarde, Blogger SecretSoul said...

E parabéns ao pai babado por tanto amor e dedicação :) São esses pequenos momentos que nos enchem o coração, verdad?

 
At 7:00 da tarde, Blogger PM said...

Agora sei o que isso quer dizer...

De há 3 meses para cá, olhar para um filho a dormir é um dos maiores prazeres que existem!

Como te compreendo.

P.

 
At 7:19 da tarde, Blogger BlueAngel said...

Isso acontece-me quando vejo as crianças de quem gosto a dormir. Não sendo mãe é o mais próximo que tenho desse momento. E tb acho q não há nada melhor doq um bebé adormecer nos nossos braços... é lindo e reconfortante. São os pequenos momentos da vida!

 
At 7:22 da tarde, Anonymous marta said...

"Amar sem amarras. Sem limites, nem condicionantes."

Mas terás tu algum amor com amarras, limites e condicionantes?

(primeira visita ao teu blog...gostei do que li)

 
At 9:19 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Muitos parabéns Pedro. É táo reconfortante entrar aqui.

 
At 9:44 da tarde, Blogger André said...

A maneira como tu escreves ao falar dos teus filhos é realmente excelente. Como não tenho filhos, consigo ter uma amostra dessa paz com o meu sobrinho. Muito bom mesmo.

 
At 10:01 da tarde, Blogger Just a blog said...

É aquilo que se chama estarmos mesmo em Paz com tudo e com todos, e faz-nos fazer e dizermos coisas que muitas vezes normalmente não temos coragem de dizer o que é pena, devemos sempre dizer aquilo que nos vai na alma a quem nós gostamos em expecial aos nossos filhos.

 
At 12:18 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Eu tambem sei o que isso é, chega-me as lagrimas aos olhos de tanta alegria.
Isto é sincero acredita.
São estes os momentos que nos dão tanta força para o nosso dia-a-dia.
Hasta la vista
Pn

 
At 9:37 da manhã, Anonymous moranguita said...

obrigada pelos teus post, deixam-me quase sempre emocionada, porque me revejo neles. E de facto é sensação de paz e reconforto, ter os nossos filhos a " dormir na paz dos anjos"

 
At 10:19 da manhã, Blogger Rita said...

É a nossa vida!
Vivemos deles e para eles, preenchem-nos sem igual, e entregam-se como ninguém num amor que devolvemos sempre, todos os dias, todos os minutos. A cada instante deles, a eternidade em nós. Fazem-nos sentir.
Beijos da mana

 
At 10:34 da manhã, Blogger Maria H said...

Nem digas...! É o melhor momento do dia, é quando tenho tempo para mim mesma, porque o resto do dia a minha vida é deles! Lol! A sério, é a paz e a tranquilidade que eles não mostram quando estão acordados. O melhor do mundo são os filhos e eu tenho 2 "terrores"!!!

 
At 11:53 da manhã, Blogger Esquierda Mate said...

Porra pá!!!!Será que nunca consigo vir a este blog sem começar a chorar????

 
At 12:31 da tarde, Blogger anamoris said...

Tu és encantador. Revelas os teus sentimentos e consegues descrever os dos outros.
É mesmo essa a sensação, vê-los a dormir é tão maravilhoso que ficamos com o coração cheiro.
Beijos

 
At 12:41 da tarde, Blogger Šonђo Ažu£ said...

Tenho a certeza que sim.
Isso é um dos momentos que faz parte do meu Sonho Azul...

Espero um dia alcançar isso e terminar assim, todas as minhas noites.

Grande beijo

 
At 12:50 da tarde, Blogger SoNosCredita said...

:)


acredito que sim!

 
At 4:08 da tarde, Blogger  said...

Sim , Sim é muito giro ... e dejar as feras dormir ?

 
At 5:34 da tarde, Blogger Former Canadian said...

Fabuloso...Melhor que ve-los dormir e de facto poder amar sem amarras, fazer tudo com a confianca plena neles, sem medos de ser magoado ou magoar, sem questoes que nos prendem e nao nos deixam ser quem realmente somos.
Desde ha 5 dias para ca que este blog (para quando uma palavra em portugues) e visita obrigatoria

 
At 9:57 da tarde, Blogger Ana said...

Eu tb vou sempre espreitar a minha e é tão bom!!!!

 
At 12:13 da manhã, Blogger Carla Dantas said...

Sim... É mesmo "O melhor da vida"!!!

 
At 2:26 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Sem querer destoar do tom encantado, tenho que dizer isto...deixa-os crescer! É que qd crescem, continuamos a amá-los da mesma maneira e com a mesma entrega, mas eles teimam sempre em cortar amarras da pior maneira, ou seja...acham que somos uns piegas!
Embora nos lembremos "ah eu já fui assim"...custa tanto, chega mesmo a doer o coração!

 

Enviar um comentário

<< Home