quarta-feira, outubro 04, 2006

Como é que é?


Li aqui que afinal um Mac pode ser um perigo.
Bem, tendo em conta que já o encomendei há uma porrada de tempo e ainda não vi nada...acho que, por enquanto, não corro perigo!

11 Comments:

At 8:32 da manhã, Blogger Gigaset said...

Caro Pedro, a notícia parece-me ter fundamento. Em meados dos anos 90, vários técnicos da Volvo chegaram à conclusão que inúmeros produtos utilizados na construção de um automóvel eram cancerígenos, e tinham o "pico" de contaminação nos primeiros meses de uso do mesmo, uma vez que as colas, as espumas, os plásticos, as tintas, os vernizes, enfim, toda aquela palete de produtos quimicos, ainda de encontra "quase quente", libertando o tal "cheiro a novo", que afinal nada mais que é que um cocktail de substâncias que, enfim, não é!?!?!?! Bom, o conselho desses cientistas na altura, foi o de evitar sempre que possivel, a condução com as janelas fechadas. Ou seja, vais ter que trabalhar com o teu "maçã" do lado de fora da janela... Mas não te preocupes, quando o equipamento libertar aquele bedum de usadíssimo, é sinal que já estás seguro ;-)

Um abraço


Francisco G.

 
At 9:25 da manhã, Blogger Static said...

Pedro, és o maior e agora soube que vais comprar um mac, bem, és ainda maior!!!

vais ver como o mac vai eliminar logo o stress diario que possivelmente tns com o teu computador e é muito mas mesmo muito mais bonito, por dentro e por fora, ahh e nao tns virus... por isso escusas-te de ir procurar antivirus pra ele.... e ja agora que modelo encomendaste?

 
At 9:45 da manhã, Blogger Cristina said...

lol,lol,lol!!

podes sempre usá-lo com máscara e luvas :))))

beijinho

 
At 9:45 da manhã, Blogger Tino_de_Rans said...

Então é por isso que me está a começar a sair um terceiro braço do peito....

 
At 9:55 da manhã, Blogger Tino_de_Rans said...

Conheçam Erika, uma artista como nunca viram:

É só clicar aqui

 
At 10:00 da manhã, Blogger BlueAngel said...

Isso de não terem vírus depende de muita coisa. Mal devem fazer todos. Não podemos voltar ao lápis ou esferográfica e papel? lol

 
At 12:10 da tarde, Blogger Patinho Feio said...

Fiquei chocada! Não quis acreditar quando disseste esta manhã que nunca tinhas provado Arroz de Cabidela! Como é que é possível?! É by far o meu prato favorito! Só de imaginar um prato dessa iguaria fico, sei lá...
Como alguém diria, (quase) não mereces o ar que respiras...! ;)

Beijinhos,
Uma Ana

P.S. - O (quase) é só mesmo porque já não passo sem a tua companhia de manhã! Podes não vir a gostar, mas pelo menos tens de provar, é uma falha imperdoável!

 
At 4:23 da tarde, Blogger Cruxe said...

O Mac pode ser um perigo se não se tiver cuidado. Pode sim senhor.

Por exemplo, se ao tirá-lo da caixa o deixares cair em cima do pé... aí nem se fala do perigo :)

Espero ter desajudado :)

 
At 5:01 da tarde, Blogger Monika said...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

 
At 5:13 da tarde, Blogger Monika said...

Amigo Pedro,
nada temas ;) Os Macs foram a melhor invenção à face da terra. Bonitos, inteligentes, práticos e fiáveis.
Se quiseres um contacto para teres o teu Mac mais depressa (e assim verificares a veracidade do q te digo) apita. I have connections ;)

beijinhos

 
At 10:59 da tarde, Blogger Gaguinho said...

Se faz mal ou não, isso eu não sei. O que sei é que o primeiro computador em que mexi foi um velhinho mac em 1988. Trabalho com macs há mais de 10 anos. Quando deixei as agências de publicidade comprei um iMac para casa e agora que o escritório vai ser desmantelado pela chegada do irmão da pim pim, comprei um MacBook preto.
Fazem mal? Fazem, é verdade. A minha carteira às vezes queixa-se que por metade do preço levava um pc para casa; os meus amigos querem mexer e eu não deixo e eles desistem porque dizem: ah e tal é um mac; a pim adora mexer no monitor do iMac e acha que é um brinquedo; um gajo fica convencido que tem o computador mais bonito do mundo em casa. E tem.
Onde é que se pode arranjar uma máquina de trabalho que falha - sim, de vez em quando - mas muito mesmo que as outras e que consegue ao mesmo tempo ser uma absoluta peça de design - já exposta em museus tão prestigiados como o Victoria & Albert de Londres (que eu estava lá e vi)?
Mais de resto...
Sabes o que é que eu te digo? Coisa feia, a inveja.
Grande abraço

 

Enviar um comentário

<< Home